Mães de primeira viagem estão preocupadas com o fato de amamentar em público

Este slideshow necessita de JavaScript.

A pesquisa britânica mostra que mais de um terço das mães que amamenta evita fazer isso em público, uma em cada 5 (21%) tem o  sentimento  de que as pessoas não querem que elas  façam isso em público.

A Start4Life, serviço de aconselhamento de saúde pública do Reino Unido, divulgou estes resultados visando sensibilizar o público para o tema. Para isso, lançou também curtas-metragens que apoiam a amamentação em público. Nos curtas, as mães compartilham experiências reais de amamentação em público para ajudar a quebrar barreiras e estigmas que impedem que muitas mães façam o mesmo.

No Reino Unido, é ilegal impedir que uma mulher amamente em público, e segundo a pesquisa, 72% das pessoas apoiam a amamentação em público. Mas apesar disso, 6 em cada 10 mães que amamentam fora de casa tomam medidas para esconder as mamas e mais de um terço (34%) se sente envergonhada ou desconfortável.

O leite materno tem um impacto positivo sobre a saúde do bebê e da mãe. Ele fornece aos bebês todos os nutrientes de que eles precisam para ter o melhor começo de vida, protegendo-os contra infecções e doenças e está associado a um risco reduzido de excesso de peso ou obesidade na medida em que crescem. Bebês amamentados também são menos propensos a sofrer de refluxo e de diarreia. Para as mães, a amamentação pode reduzir o risco de contrair câncer de mama e de ovário.

No entanto, enquanto 74% das mulheres começam a amamentar seus filhos desde o nascimento, apenas 47% mantêm o aleitamento cerca de 6-8 semanas mais tarde. Na pesquisa Start4Life, 1 em cada 10 mulheres que optou por não amamentar disse que a preocupação de fazer isso em público influenciou sua decisão.

A pesquisa da Start4Life ouviu 2.393 adultos no Reino Unido. Outros achados da mesma pesquisa incluem:

  • 48% concordam que mulheres devem sempre se sentir confortáveis amamentando em público;
  • 44% concordam que é aceitável amamentar em qualquer lugar;
  • Apenas 57% apontaram restaurantes como locais aceitáveis para a amamentação;
  • 51% apontaram a amamentação no transporte público como aceitável.

Os últimos 2 pontos, em particular, mostram que, enquanto a maioria das pessoas acredita que a amamentação em público é aceitável, há muito mais a ser feito para torná-la “mais aceita” por todos. Concordam?

Queremos ouvir você 

Preocupações sobre o estigma e a vergonha em torno da amamentação podem levar algumas mulheres a se sentirem incapazes ou não quererem amamentar em público. Isso pode leva-las ao isolamento e algumas podem para de amamentar antes do que pretendiam. Embora a legislação em vigor apoie a amamentação em público, muito mais precisa ser feito para resolver as atitudes culturais negativas que podem minar esta escolha. O que você pensa sobre essa pesquisa e sobre a amamentação e público? Compartilhe conosco!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s